Fórum Nacional dos Mestrados Profissionais

Fórum Nacional

dos Mestrados Profissionais


Apoio Institucional
 
Desde 07/06/2009
Estatísticas 256339 visitas.
W3C XHTML 1.0

Documentos para Leitura

Ata de Criação do Fórum Nacional dos Mestrados Profissionais

Aos cinco de maio de dois mil e seis, na sede do Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro à Avenida Engenheiro Eusébio Stevaux 823, no Campus Santo Amaro em São Paulo, reuniram-se a convite do grupo de organização do Fórum dos Mestrados Profissionais formado pelas instituições SENAC, IPT e CEETEPS, os representantes, coordenadores de mestrados profissionais e diretores de universidades e instituições de ensino superior e institutos de pesquisas, professores doutores:

para o Fórum Nacional de pós-graduação: O papel dos mestrados profissionais, realizado nos dias 4 e 5 de maio de 2006, e deliberaram pela criação do Fórum Nacional dos Mestrados Profissionais, ficando este como o 1º Encontro deste fórum, devendo o 2º Encontro ser realizado nos dias 3 e 4 de novembro próximo, em Campo Grande, no Campus da UNIDERP e o 3º Encontro em Manaus, no Campus da UFAM, em maio de 2007 tendo por pauta os seguintes pontos:

  1. discussão dos documentos específicos da pós-graduação stricto sensu relativos aos mestrados profissionais, como a portaria 80 de 1998 da CAPES, a Revista Brasileira de Pós-graduação nº 4 da Capes e o Plano Nacional de Pós-graduação PNPG;
  2. a discussão da consolidação de uma identidade dos mestrados profissionais, passando pela discussão sobre a relação entre mestrados profissionais e sua especificidade multidisciplinar, a diferença e definição de produção específica em cada programa, indicadores específicos de produção por área, as alternativas em relação à flexibilidade ou rigidez nos prazos para finalização dos mestrados, delineamento do perfil dos alunos - predominantemente profissionais com experiência no mercado de trabalho, metodologias e resultados desses programas em termos de formação e produtos finais;
  3. possibilidades e perspectivas de financiamento e sustentabilidade como uma questão especifica dos mestrados profissionais;
  4. critérios específicos de avaliação com proposição de indicadores que levem em conta a alta qualidade dos programas, a produção técnica, formas de avaliação da produção dos programas, indicadores relacionados com a missão da instituição e finalidade do programa, a avaliação dos mestrados profissionais por pares com formação de um comitê específico ou participação de representantes de mestrados profissionais nos comitês existentes, alternativas de intersecção com mestrados acadêmicos, avaliados por critérios acadêmicos e com diferenciação dada a importância e relevância na produção e desenvolvimento tecnológico do país.

Foi exposto que cada representante dos programas dos mestrados profissionais das instituições universitárias exporá aos representantes da área sobre perspectiva do Fórum dos mestrados profissionais com questões específicas e, ao mesmo tempo, solicitar apoio para divulgação e a presença em próximos encontros do Fórum para debates e acompanhamento.

Ficou decidido que a Secretaria Executiva do Segundo Encontro ficará a cargo do Comitê Organizador desse primeiro Encontro composta pelos representantes do Senac, IPT, CEETPS e UNIDERP.

Nada mais havendo a tratar, nós Ericka Marie Itokazu e Alice Itani, elaboramos a presente ata, São Paulo, 5 de maio de 2006.

  1. Alice Itani - Centro Universitario Senac
  2. Antonio Carlos Giuliani - UNIMEP
  3. Claudia do Rosario Morgado - UFRJ
  4. Eduardo Gonçalves Senra - UFRJ
  5. Ericka Marie Itokazu - Centro Universitário Senac
  6. Evelyse dos Santos Lemos - FIOCRUZ
  7. Fernando Rei - Centro Universitário Senac
  8. Helena Gemignani Peterossi - CEETEPS
  9. Jose Celio Silveira Andrade UFBA
  10. Julio Vianna Barbosa - FIOCRUZ
  11. Liliana Amaral Féris - ULBRA
  12. Luiz Eustaquio Lopes Pinheiro - UNIDERP
  13. Marcelo Martins Seckler - IPT
  14. Maria Inês Pardini UNESP Botucatu
  15. Mauricio Dziedzic UNICENP
  16. Ney Fernando Perracini de Azevedo - IEP/LACTEC/PRODETEC
  17. Omar Yazbek Bittar - IPT
  18. Osvaldo Livio Soliano Pereira - UNIFACS
  19. Osvaldo Luis Gonçalves Quelhas - UFF
  20. Paulo Eduardo de Abreu Machado - UNESP Botucatu
  21. Paulo Rizzi - ITA
  22. Pedro Lacava - UNITAU Universidade de Taubaté
  23. Raysildo Barbosa Lobo - UNIDERP
  24. Sandra Nascimento Noda - UFAM
  25. Sheila Farage - FIOCRUZ
  26. Tania Fischer - UFBA
FOPROF - Fórum Nacional dos Mestrados Profissionais